E se encontrar com outras pessoas para adorar a Deus significasse arriscar ser preso? E se você não pudesse encontrar uma Bíblia em seu próprio idioma? Essa é a realidade para muitos crentes de língua persa em países como o Irã e o Afeganistão. Suas mensagens para o SAT-7 PARS demonstram sua força e fé ao ousarem sonhar pela liberdade de adorar a Jesus.

“Eu estou em uma família profundamente religiosa. Até falar o nome Jesus poderia ser o suficiente para eu ser apredejado“, escreve Esfandiar *, do Afeganistão, para a equipe de Relações de Audiência do SAT-7 PARS. “Não consigo conversar por telefone com vocês, só posso entrar em contato via mensagem de texto.”

Esses tipos de mensagens de fiéis no Irã e no Afeganistão não são incomuns.

No Irã, a conversão ao cristianismo é ilegal. Os crentes que se reúnem para adorar correm um risco significativo de ser presos. No entanto, apesar da perseguição religiosa – ou talvez por causa disso -, o Irã tem uma das igrejas “subterrâneas” que mais crescem no mundo.

Apoio Emocional e Espiritual

Milhares procuram o SAT-7 PARS para apoio emocional e espiritual. Suas mensagens mostram ideias sobre as lutas que estão enfrentando e como o SAT-7 PARS os está encorajando durante esses tempos difíceis. Nariman compartilhou: “Há muitas histórias que eu poderia contar sobre as dificuldades com as quais tenho que viver. Meu objetivo é deixar o Irã, embora eu ame o Irã. Minha única razão para querer ir embora é que estou exposto a muita pressão e ameaça das autoridades. Sou grato ao sempre amoroso Senhor por ter encontrado o SAT-7 PARS. Meus dias favoritos são quando assisto a programas de ensino e discipulado.”

Em meio a discriminação e perseguição, os espectadores frequentemente procuram a equipe de Relações de Audiência que está disponível para conversar e orar com eles.

“Quero agradecer ao Senhor Jesus por sua existência. Vocês enche nossas vidas de bênçãos e seus esforços fazem uma enorme diferença. É especialmente importante para nós, cristãos no Irã, que adoramos o Senhor em segredo por causa de restrições e opressão”, diz Rustam, do Irã.

Conectado a uma família global

Os programas da SAT-7 permitem que os crentes de língua persa se sintam conectados a uma família global da igreja, mesmo quando não há uma igreja local para eles participar. Os programas do SAT-7 PARS são produzidos por persas que cresceram no Oriente Médio, para que possam se relacionar com as lutas que os espectadores da região estão passando e fazer uma programação relevante e envolvente.

“A força do seu canal vem dos diretores, que fazem os programas parecerem envolver o espectador em tudo”, diz Hovan. “Eles nos fazem sentir que somos parte do movimento e como verdadeiros irmãos e irmãs, com uma conexão real, desenvolvendo uma confiança um com o outro como uma família verdadeira.”

Ousando sonhar

Muitos telespectadores iranianos escrevem ou ligam para a SAT-7 para compartilhar suas orações pessoais. Eles continuam esperando e acreditando por um dia em que estarão livres para adorar abertamente em seu país de origem:

“Espero que um dia todos venham a conhecer o Deus do amor. Um Deus que não procura nos incendiar, mas um Pai que deseja nos ajudar em nossa necessidade. Espero que chegue o dia em que eu possa ir à igreja, ser batizado e adorar como um verdadeiro cristão. ”

Eles ousam sonhar que um dia a perseguição chegará ao fim. Firozeh reza:

“Foi através de seus programas que conquistamos a força e o crescimento espiritual do Senhor. Oro para que as correntes se quebrem, a perseguição pare em direção aos seguidores de Jesus Cristo; que as igrejas e o povo do Irã sejam livres e que possamos elevar o nome do Senhor em nosso país. ”

 

*todos os nomes foram alterados por motivos de segurança.

Iran

https://www.christianpost.com/news/iran-is-witnessingone-of-fastest-growing-church-movements-but-christians-face-intense-persecution.html

Este artigo é parte da Semana de Oração de 2019 do SAT-7 – Dare to Dream (Ouse Sonhar). Por favor, junte-se a nós na oração pelas pessoas do Oriente Médio e do Norte da África.