O mais recente documentário do canal SAT-7 PARS, Seven Letters (Sete Cartas), investiga o Livro de Apocalipse, revelando suas cartas aos cristãos perseguidos e lidando com vários tipos de problemas nas sete igrejas antigas. Filmado na Turquia entre as ruínas das sete igrejas, o programa ajuda a tornar Jesus conhecido para a Igreja perseguida no Irã e no Afeganistão hoje.

“O Senhor ressuscitado ainda anda entre Suas igrejas”, compartilha Sally Momtazi, que explorou as ruínas das sete igrejas para apresentar as Sete Cartas. “Jesus nunca escreveu uma carta, mas Ele nos deu essas sete cartas. Trabalhando em shows ao vivo, percebi um grande interesse entre os cristãos persas em como essas cartas se aplicam às nossas vidas hoje.”

As cartas no livro de Apocalipse foram escritas para igrejas no que hoje é o canto sudoeste da Turquia e, na época, essas igrejas estavam enfrentando todos os tipos de desafios externos e internos, incluindo perseguição, falsos ensinos e morte espiritual (Apocalipse 3:1). Essas igrejas, portanto, servem de exemplo para todos os cristãos, explica Sally. “Se os santos nessas cidades pudessem superar esses desafios”, diz ela, “eles seriam capazes de fazer isso em qualquer lugar e a qualquer hora”.

Os cristãos no Oriente Médio, especialmente no Irã e no Afeganistão, estão enfrentando perseguições e desafios espirituais semelhantes hoje. Devido à falta de liberdade de religião e crença, os cristãos no Irã e no Afeganistão enfrentam perseguição e prisão, exclusão de seus amigos e familiares e discriminação no local de trabalho. Devido a COVID-19, eles também estão sob imensa pressão econômica e, embora a Igreja no Irã seja reconhecida como a igreja de crescimento mais rápido no mundo, a falta de recursos cristãos e de líderes cristãos maduros aumenta o risco de falsos ensinos.

“As sete cartas têm uma mensagem permanente e contemporânea para a Igreja perseguida no Irã e no Afeganistão”, explica Sally. No entanto, ela diz, há poucas oportunidades para os espectadores entendê-las. “Infelizmente, o livro de Apocalipse raramente é ensinado por igrejas iranianas ou não iranianas”, explica ela. Ao revelar o que Jesus Cristo diz às sete igrejas antigas nesta série de dez partes, Sally espera compartilhar com os espectadores seu compromisso de conhecê-lo melhor e de que outros também o façam.

“O livro de Apocalipse me fascinou desde que me tornei crente”, conta Sally. “Eles nos ensinam sobre nosso amor por Deus e nosso amor pelas pessoas ao nosso redor. Eles são um aviso de Jesus, dizendo-nos para estarmos prontos para o Seu retorno. ”Ela explica que um sonho vívido alguns anos atrás deu-lhe uma motivação pessoal para explorar Apocalipse, um dos livros mais desafiadores da Bíblia. Em seu sonho, Sally viu adoradores cercando o trono de Deus (como em Apocalipse 4), mas quando ela quis se aproximar da presença de Deus, ela se sentiu afastada. Quando ela desesperadamente clamou a Deus em seu sonho, ela o ouviu dizer a ela: “Você está salva, mas não conhece meu Filho bem o suficiente.”

Seven Letters (Sete Cartas), é um documentário dinâmico apoiado em fortes pesquisas, certamente atrairá cristãos e não-cristãos com suas percepções históricas, arqueológicas e teológicas. “Através desta série de documentários, nosso objetivo é encorajar os espectadores a se aprofundarem em seus estudos bíblicos e demonstrar como as Escrituras são relevantes e aplicáveis a nós hoje. Oro para que Seven Letters (Sete Cartas) aprofunde o relacionamento dos espectadores com Cristo enquanto eles levam suas mensagens a sério”, conclui Sally.s